Segmentação de mercado: como fazer de forma correta?

Muitos gestores buscam formas de aumentar os resultados da empresa e melhorar a performance do negócio. Uma maneira muito eficaz — e até mesmo essencial para isso — é o uso adequado da segmentação de mercado para direcionar as estratégias da empresa.

A segmentação pode ser feita segundo diversos critérios, dependendo dos objetivos do negócio. Saber fazer esse trabalho na empresa é fundamental para que os resultados esperados sejam atingidos e o consumidor tenha uma experiência positiva com a sua marca.

Pensando nisso, unimos as principais informações sobre segmentação de mercado para você fazer na sua empresa. Confira:

O que é segmentação de mercado?

Basicamente, segmentar um mercado é identificar grupos homogêneos dentro de um grupo heterogêneo. O maior é o seu mercado, ou seja, as pessoas ou empresas que são potenciais clientes para seu produto ou serviço, enquanto os menores representam os diferentes segmentos de clientes que a sua empresa pode atender.

A segmentação de mercado é ideal para direcionar as ações estratégicas da empresa em todas as suas áreas, principalmente em marketing, vendas e produtos.

Quais os tipos de segmentação?

1. Geográfica

Essa segmentação é feita por unidades geográficas, podendo ser bairros, cidades, estados ou até mesmo países. É mais genérica, porém, ideal quando os clientes se diferenciam por região e a empresa precisa se adaptar a cada uma delas.​

2. Demográfica

Essa opção consiste na divisão do mercado de acordo com as características demográficas dos clientes, como por exemplo o sexo, idade, grau de escolaridade ou renda. Você pode usar informações cruzadas para criar grupos mais desenvolvidos, como jovens entre 20 e 25 anos que nasceram em São Paulo.

3. Psicográfica

Considerado uma forma de segmentação essencial para qualquer empresa, esta identificação considera o estilo de vida do mercado como passatempos, opiniões, interesses ou atitudes em relação a diferentes assuntos relevantes para o negócio — ela envolve conceitos subjetivos e deve ser feita com ajuda de profissionais.

4. Comportamental

Nessa opção de segmentação do mercado, a empresa avalia o consumo e comportamento de compra dos clientes, agrupando compradores semelhantes, como compradores mensais, semanais ou trimestrais, ou de categorias específicas.

5. Canal de consumo

Por fim, a empresa pode categorizar seus clientes ou potenciais consumidores por canal de venda, como ponto físico, loja online ou telefone. Unido a uma análise psicográfica, é possível identificar perfis e interesses em cada um deles para direcionar as ações da empresa.

Os cinco tipos de segmentação podem ser usados de forma conjunta para criar os melhores segmentos para a empresa.

Como fazer uma segmentação correta?

Conheça seu público

O primeiro passo para fazer uma boa segmentação de mercado é justamente saber quem é o seu público, qual o valor que o seu produto passa para ele e como interagem com a sua marca.

É importante investir em coleta de dados de vendas, pesquisa de satisfação e mercado para, justamente, identificar as características básicas da segmentação.

Tenha um CRM

Uma ferramenta que facilita e otimiza o processo de segmentação de mercado é o CRM (Customer Relationship Management), usada para gerir os dados de todos os consumidores de uma empresa.

Adotar um CRM para a empresa facilita, não só no processo de segmentação, mas também no relacionamento com os clientes e definição de estratégias do negócio.

Personalize suas ações

Não adianta segmentar o mercado e abordar todos os segmentos da mesma forma. A segmentação deve ser usada como base para direcionar suas ações de maneira personalizada.

Por exemplo: se os consumidores no Norte consomem mais do produto A e no Sul o produto B, direcione sua comunicação no Norte para o produto A e no Sul para o produto B.

Faça atualizações constantes

O mercado está em constante mudança, portanto, se manter atualizado e rever as segmentações usadas no negócio é algo essencial. Faça avaliação se os segmentos estão adequados, se há mudanças que podem otimizar os resultados ou se há a necessidade criar segmentos para melhorar os resultados da empresa.

Agora que você já sabe como fazer uma boa segmentação de mercado e otimizar seus resultados, não deixe de assinar a nossa newsletter para receber outros conteúdos como este.

Business Intelligence Saiba tudo para implementar com sucesso
Clique na imagem e ganhe seu ebook grátis!
Compartilhe em suas redes sociais...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone